segunda-feira, 24 de junho de 2013

Apenas, porque sim!


Em segundo plano,

Fonte: http://www.opernhaus.ch/en/activity/detail/junge-choreografen-19-06-2013/#section_images

na penumbra, alguém que me enche de orgulho, de alegria.

Deus te guarde, Deus te abençõe, meu Amor!

16 comentários:

  1. Quem quer que seja, desejo-lhe as maiores venturas pela vida fora, já que me parece um jovem rapaz. Que Deus vos guarde e vos abençõe a ambos e que o futuro vos proporcione tudo o que ambicionam!
    Um beijinho e obrigada pela partilha, GL.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, Maria Eduardo.
      É um jovem, sim, um jovem que merece ser feliz.
      Sabe? Pertence ao grupo daqueles que lutam por um sonho, que se sacrificam, que agarram a vida com ambas as mãos. O presente sorri-lhe, e o futuro afigura-se promissor.

      Beijinho.

      Eliminar
    2. Que venha da penumbra para a luz.

      Eliminar
    3. Já está na luz, felizmente!

      Eliminar
  2. GL,
    Felicidades para o jovem.
    Com persistência alcançam-se os sonhos.
    Beijinho. :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. ana,

      Obrigada!
      Felizmente é isso que tem sucedido: muito trabalho, muito sacrifício e, agora, o sonho que se concretiza.

      Beijinho.

      Eliminar
  3. É teu filho ?
    É bem apessoado !

    Adoro ballet !

    Um beijo amigo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não, não é!
      Posso dizer que o vejo como tal? Exagerada, dirás. Talvez!...

      Beijinho.

      Eliminar
  4. Respostas
    1. Não paras de me surpreender!...

      Obrigada.

      Eliminar
  5. Respostas
    1. Lobinho,

      OBRIGADA, OBRIGADA, OBRIGADA!

      Queres que me envaideça, queres?!

      Beijinho.

      Eliminar
  6. GL, Que ele lute sempre pelos sonhos, que os consiga sempre agarrar. O mais importante? Que seja feliz. Abraço grande

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tem razão, é isso mesmo, o mais importante é que seja feliz.
      E é feliz, tão feliz naquilo que faz!
      A paixão pela dança acompanha-o, atrevo-me a afirmar, a partir do momento em que começou a dar os primeiros passos.

      Abraço grande.

      Eliminar