quinta-feira, 1 de agosto de 2013

Dos fracos não reza a história!

Nem mais: é isso mesmo!

Quero que saibam que ainda ando por cá.

Cansadita? Huummmm!!!!!


 
 
Há sobreviventes na política? Sim?
Graças a Deus não sei nada, não ouço, não vejo, não estou cá!
 
 
Bom fim-de-semana.
 
 
 

18 comentários:

  1. Folgo em sabê-lo! Não pode desaparecer assim, quando só ainda havia começado a ser(-me) uma leitura diária.
    Parece uma história de sedução e abandono.
    :)

    ResponderEliminar
  2. E não é que me fez sorrir?!
    Nada disso! Quando gosto, quando o prazer proporcionado é imenso, não perco, não abandono, não "largo".

    Beijinho.

    ResponderEliminar
  3. Espero ser um dos contemplados, embora neste mês de Agosto esteja mais ausente...
    Política e políticos ?
    É melhor nem saber...

    Um beijo e feliz pelo teu retorno.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Modesto, tu!...
      Já deu para ver, ou não?!

      Esses, os tais, não quero mesmo saber. O pior é que TEMOS OBRIGATORIAMENTE, que saber, ou melhor, "sentir" os efeitos.

      Beijinho, artista.




      Eliminar
  4. Pois é, somos mesmo obrigados a sentir os efeitos contra nossa vontade!
    Entretanto o melhor é descansar e gozar as férias?!... o melhor que puder.
    Um beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Desgraçadamente assim é, Maria Eduardo!

      Férias, só depois da mudança. Para já,ainda me esperam alguns afazeres.

      Beijinho.

      Eliminar
  5. GL,
    Nem mais. :))
    Vejo que andou em grandes andanças e labutas. Já mudei de casa quatro vezes e sei como tudo se multiplica. Então os livros é de morte té porque é o que se torna mais pesado nas mudanças. :))
    Desejo felicidades na nova casa e que bom não se saber nada dos nossos governantes porque deles não reza a história [por enquanto]. :)))

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. ana,

      E ainda não acabei.:-(
      Os livros, ai os livros!... Tentar selecionar, ver se há repetidos, etc., etc. Uma tarefa quase impossível! O que me dá ânimo é pensar no "depois".

      Agradeço muito os seus votos. Por vezes, há fases na vida em que se impõe a mudança.

      Beijinho.

      Eliminar
  6. ... e pelos vistos com a ironia afinada.

    ainda bem.

    beijo

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. Armaduras, falsas, mas armaduras...

      Beijinho.

      Eliminar
  7. Sim, é preciso esse respirar :)

    Um obrigado (grande) pelo seu carinho :)

    Beijinho e que esteja tudo bem, sem grandes atenções a políticas :)

    ***

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Lobinho!

      Não tem que agradecer. Estava - muito sinceramente -, a ficar preocupada com a ausência. Já fui "espreitar", mas não comentei. Quero ler calmamente.

      Política? O mínimo dos mínimos!

      Beijinho.

      Eliminar
  8. Se há sobreviventes na política? Sinceramente não sei.
    Mas sei que há sobreviventes de... "mudanças" de casas!

    Abraço grande?

    (Beyoncé?)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Importa-se de se informar? Convinha-me ter alguém que fizesse a gentileza de ir fazendo uma síntese, da síntese, da síntese...
      Candidata-se?

      Quanto aos "sobreviventes" que dá como certos, não sei. É que a dita ainda não terminou.

      Desculpe. Tem alguma coisa contra Beyoncé? Não gosta? Ok, um direito que lhe assiste.

      Abraço GRANDE? Sim, sempre!:)

      Eliminar
    2. Boa noite "GL",

      Já me informei e o resultado é "tipo " futebol:
      1-0 ; 1-0; 1-0; 1-0; 1-0; 1-0....Adivinhe quem é o zero!

      Relativamente à "sobrevivente certa", acredito piamente que conseguirá terminar a sua empresa, não vai de certeza deixar os livros amontoados em caixotes de papelão à mercê das Lepismas Saccharinas.

      Abraço grande

      (Da Beyoncé gosto, nada contra! Da música dela...)

      Eliminar
    3. Obrigada, meu Caro. Nem sei como lhe agradecer!

      Ora bem! Qual a posição do zero? Os seus estão todos à direita, logo... Não se esqueça que no futebol há outra variável: 0-0.

      A "sobrevivente" vai sobrevivendo, o que já não é nada mau.

      Quanto às Lepismas Saccharinas não se preocupe. Os meus tesouros estão salvaguardados.

      Abraço GRANDE.

      P.S. As maiúsculas devem-se à colaboração...

      Eliminar
  9. Sobrevivente da política? Infelizmente um grande grupo de incompetentes a
    "sugarem os euros do estado (sempre em boa quantidade) e prontos a lixarem
    talvez já no próximo mês os reformados.
    Bj.
    Irene Alves

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ainda gostava de saber o porquê da imensa "simpatia" que têm pelos aposentados e reformados. Nunca são esquecidos, nunca! E ainda têm o desplante de reclamar? Ingratos!...

      Beijinho.

      Eliminar