quarta-feira, 18 de setembro de 2013

A Troika e o FMI dizem de sua justiça.

 
E nós? Não nos é permitido opinar?

O FMI considera não ser este o caminho certo para a resolução dos problemas gravíssimos que o país atravessa.
 
Apetece dizer: "hélas". Há vozes com bom senso! Só que a querida Troika não abdica da posição tomada.
 
Em que é que ficamos, caros senhores?
 
Não se cansem. Todos sabemos a resposta.
 
Cada vez mais espoliados, mais pobres,

e mais pobres, e mais pobres, e mais pobres.



12 comentários:

  1. O facto de terem reconhecido que as medidas impostas não constituiram a melhor solução já é motivo de esperança.

    Um beijo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. João,

      Gostaria de partilhar a tua esperança, mas é impossivel.

      Beijinho.

      Eliminar
  2. O pior é mesmo isso, cada vez mais pobres e os politicos cada vez mais obstinados em levarem a sua adiante, mesmo que não esteja a dar resultado.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Politicas que são um crime, ou haverá outra classificação quando o resultado óbvio é o desastre?

      Beijinho.

      Eliminar
  3. É verdade, GL, cada vez mais pobres e mais espoliados e mais pobres...e não acontece NADA!...o que vale é que a esperança é a última coisa a morrer!
    Um beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Até essa já perdi!
      É impossivel mantê-la quando a cada dia que passa, a cada nova medida tomada, a derrocada do país se torne mais ameaçadora.

      Beijinho.

      Eliminar
  4. É pena que não digam da "nossa" justiça.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E nunca dirão. Para isso era necessário que tivessemos direito a ter voz.

      Eliminar
  5. E que força é essa que trazes nos braços, que só te serve para obedecer, que só te manda obedecer??

    Beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sinto que nos cortaram o "cabelo", qual Sansão.

      Beijinho

      Eliminar
  6. GL,
    Vamos ver...
    Não me parece que estes senhores se preocupem com humanidade.
    Sempre pertinente e atenta.
    Beijinho. :))

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não preocupam não, Ana. Aliás, nem sabem o que isso é!

      Beijinho.

      Eliminar